Jose Carlos Ghedin (48) 3081-9861 | Marcelo Beirão (48) 9 9167-5052

A importância de uma boa respiração no exercício físico

Você sabe a importância da respiração durante o exercício físico?
Com o passar dos anos, a ciência mostra todos os dias, que o exercício físico deve fazer parte das nossas vidas, visto seus efeitos benéficos para nosso corpo e que uma vida saudável precisa de movimento. Quando respiramos, estamos levando oxigênio e demais nutrientes para todo o nosso corpo. E a partir daí, temos a capacidade de produzir energia e auxiliar no bom funcionamento dos nossos órgãos. Nosso corpo funciona de forma equilibrada quando estamos em repouso e durante o esforço físico, precisa aumentar o seu trabalho para manter o equilíbrio. Normalmente, quando respiramos, puxamos o ar profundamente pelo nariz durante uma inspiração e soltamos o ar pela boca, em um movimento de expiração. De forma fisiológica e automática, soltamos o ar no dobro de tempo que puxamos. Em geral, puxamos o ar e um segundo e soltamos o ar em 2 segundos. Essa constante de tempo é muito importante para mantermos uma boa oxigenação.
Quando iniciamos um esforço físico, logo sentimos o primeiro sinal de mudança em nosso corpo, a respiração ofegante. Em geral, há uma diminuição do tempo expiratório, e começamos a respirar mais rápido. Com o tempo e a prática regular de exercícios físicos, temos a capacidade de aumentar nosso condicionamento e melhorar nosso desempenho de acordo com o incremento de intensidade nos treinos.
O fato é que nem sempre esse aumento do desempenho acompanha a nossa capacidade ventilatória. Capacidade ventilatória é o quanto somos capazes de respirar. O quanto de ar que podemos puxar e soltar durante uma respiração. É essa capacidade que nos permite ir além, ou talvez, o que nos impede de aumentar nosso desempenho. Diversas pessoas apresentam a seguinte queixa “quando estou correndo, sinto que minhas pernas aguentam mais, porém, não tenho mais pulmão para correr mais rápido”. É exatamente isso, nossa capacidade de atingir melhores resultados e bom desempenho no esporte, está extremamente associada a diminuição da nossa capacidade ventilatória.
A respiração durante o exercício físico é fator chave para a melhora do desempenho esportivo. Portanto, treinamentos respiratórios que visam a melhora da capacidade ventilatória são extremamente relevantes. Além disso, permitem que nossos músculos recebam mais oxigênio durante o esforço, assim, melhorando também a resposta muscular periférica, diminuindo inclusive o aparecimento de lesões musculares. Para que haja um bom condicionamento, é necessário que o corpo esteja em equilíbrio durante o exercício físico, ajustar-se e assim, receber os benefícios dessa prática esportiva.
Pratique exercícios físicos regulares, mas não esqueça, sentir-se ofegante é normal, porém, a sua respiração não pode te impedir de alcançar maiores desafios.

Dra. Renata Tiscoski Nesi (fisioterapeuta cardiopulmonar, Msc e PhD – CREFITO 121761-F)
www.nesicardiopulmonar.com.br

@nesicardiopulmonar

© 2016 Todos os Direitos Reservados. Cirurgia do joelho e trauma do esporte.